Máncora Junior Pro Peru abre a decisão do título sul-americano

Máncora Junior Pro Peru abre a decisão do título sul-americano

Os peruanos se destacaram na quinta-feira com Raul Rios começando a defender a liderança do ranking com vitória e Ricardo Williams e Daniella Rosas fazendo os recordes do primeiro dia

Cartaz do Evento (Divulgação)
Cartaz do Evento (Divulgação)

O Máncora Junior Pro Peru – Água San Carlos – Copa Gatorade abriu a decisão do título sul-americano e a batalha final pelas vagas no Mundial Pro Junior da World Surf League na quinta-feira, com os peruanos se destacando em casa. Raul Rios começou a defender a liderança do ranking com vitória e Ricardo Williams e Daniella Rosas fizeram os recordes nas ondas pequenas de Máncora. Entre os oito desafiantes ao título, a única baixa foi o vice-líder, Daniel Templar, que agora torce para terminar entre os três primeiros no ranking final da WSL Latin America para ir pro Mundial, mas tem seis surfistas buscando essa vaga. Os classificados e o campeão sul-americano Pro Junior de 2019, serão decididos nesta sexta-feira no Peru.

Raul Rios-PER (Crédito: Rafael Rioja)
Raul Rios-PER (Crédito: Rafael Rioja)

O primeiro deles a entrar no mar no último dia será o paulista Daniel Adisaka, que eliminou Daniel Templar na disputa pelo segundo lugar na bateria vencida por Sergio Luan. Adisaka vai brigar pelas duas primeiras vagas para a rodada classificatória para as semifinais do Máncora Junior Pro Peru – Água San Carlos – Copa Gatorade, com o catarinense Uriel Sposaro e os peruanos Alejandro Bernales e Ricardo Williams, o recordista absoluto do primeiro dia com nota 9,50 e 16,50 pontos nas duas ondas computadas nos resultados.

Na segunda bateria desta terceira fase, serão três concorrentes disputando duas vagas com Sergio Luan, os paulistas Eduardo Motta (4.o do ranking) e Fernando Junior (7.o) e o catarinense Leo Casal (8.o). Na terceira entram mais dois, o líder do ranking, Raul Rios, que mora em Máncora, e o número 5, o potiguar Mateus Sena, que fez o segundo maior da quinta-feira no Peru, 15,85 pontos com notas 8,25 e 7,60. Eles vão enfrentar mais dois brasileiros, Kauê Germano e Leonardo Barcelos.

Eduardo Motta-SP (Crédito: @mancorasurfphoto)
Eduardo Motta-SP (Crédito: @mancorasurfphoto)

E a última batalha por duas vagas para disputar classificação para as semifinais, tem mais um candidato ao título sul-americano, o catarinense Lucas Vicente, que venceu o último confronto da quinta-feira em Máncora. Ele chegou no Peru em terceiro no ranking, mas já perdeu essa última vaga na lista para o Mundial Pro Junior para Eduardo Motta, que está descartando um resultado mais baixo do que o dele. Os adversários de Lucas são o chileno Vicente Diaz Barriga e mais dois brasileiros, Cauã Costa e Thiago Eduardo.

MATEMÁTICA DO TÍTULO – Com a classificação para a terceira fase do Máncora Junior Pro Peru – Água San Carlos – Copa Gatorade, o líder do ranking, Raul Rios, passa a ter 2.870 pontos garantidos no ranking. O paulista Eduardo Motta segue precisando chegar nas semifinais para superá-lo. Já o catarinense Lucas Vicente, agora só consegue isso se passar para a grande final, enquanto Daniel Adisaka, Mateus Sena, Fernando Junior e Leo Casal, já necessitam da vitória para ultrapassar a pontuação do peruano.

Lucas Vicente-SC (Crédito: @mancorasurfphoto)
Lucas Vicente-SC (Crédito: @mancorasurfphoto)

Esses sete que brigam pelo título sul-americano, são os mesmos que vão disputar as três vagas para o Mundial Pro Junior da WSL, que será realizado na última semana deste mês em Taiwan. O catarinense Heitor Mueller também tinha chances matemáticas nessa batalha e foi o primeiro a se destacar em Máncora na quinta-feira. Ele estreou somando uma nota 9,0 no placar de 16,50 pontos, que depois foi igualado por Ricardo Williams, com a diferença do peruano ter conseguido um 9,50 na melhor apresentação do dia.

Heitor Mueller acabou eliminado na segunda fase por Thiago Eduardo, na bateria que Raul Rios começou a defender a liderança do ranking em casa. O peruano surfou bem também, computando duas notas 7,25 na vitória por 14,50 pontos. Raul Rios vem de duas finais seguidas nas últimas etapas do Oi Pro Junior Series no Brasil e ganhou a encerrada no domingo passado em Maresias, São Sebastião (SP).

CONFRONTO DIRETO – Ele pode se tornar o primeiro surfista do Peru a ser campeão sul-americano Pro Junior no ranking masculino da WSL Latin America. Se chegar na final também no Máncora Junior Pro Peru, Raul Rios confirma o título inédito para o seu país, desde que a decisão não seja uma reedição da sua vitória no Brasil, sobre o paulista Eduardo Motta.

Ricardo Williams-PER (Crédito: @mancorasurfphoto)
Ricardo Williams-PER (Crédito: @mancorasurfphoto)

Caso os dois se encontrem em outro confronto direto na última bateria do ano, o vencedor da etapa peruana em Máncora, será o campeão de 2019 na categoria para surfistas com até 18 anos de idade. Mas, o título pode vir antes, dependendo dos resultados dos seus adversários, que Raul irá eliminando a cada fase que avançar no evento.

ÚLTIMA VAGA NO FEMININO – Na categoria feminina, a catarinense Tainá Hinckel garantiu seu segundo título sul-americano por antecipação no Oi Pro Junior Series de São Sebastião e já está se preparando para viajar para Taiwan. Ela nem foi competir no Peru, onde a disputa principal é pela última vaga das meninas para o Mundial Pro Junior. As outras buscam um melhor posicionamento no ranking final de 2019 da WSL Latin America.

A bicampeã sul-americana de 2017 e 2018, Sol Aguirre, defende o segundo lugar em casa e sua única oponente é a brasileira Julia Duarte. A carioca já necessita vencer o Máncora Junior Pro Peru – Água San Carlos – Copa Gatorade para ultrapassar a pontuação atual da peruana. No entanto, a grande final não pode ser contra Sol Aguirre, pois ela confirma o segundo lugar no ranking se passar pelas semifinais.

Sol Aguirre-PER (Crédito: @mancorasurfphoto)
Sol Aguirre-PER (Crédito: @mancorasurfphoto)

Sol ganhou a primeira bateria feminina da quinta-feira em Máncora, que foi 100% peruana. Alessia Moro passou junto com ela e, na sexta-feira, as duas vão disputar as duas primeiras vagas para as semifinais, com a também peruana Lara Barrios e a brasileira Maju Freitas. Julia Duarte também estreou com vitória, inclusive superando os 11,75 pontos de Sol Aguirre com os 12,25 que totalizou, somando uma nota 7,00 da sua melhor apresentação.

Julia Duarte fez os recordes femininos, mas suas marcas foram batidas no confronto seguinte, que fechou a participação das meninas na quinta-feira. A medalhista de ouro no Pan-americano de Lima, Daniella Rosas, destruiu uma onda que valeu nota 8,00 e atingiu 13,75 pontos no segundo confronto 100% peruano da primeira fase do Máncora Junior Pro Peru. Daniella e Julia vão agora se enfrentar na briga pelas vagas para a segunda semifinal, na bateria completada por mais duas peruanas, Luana Chuman e Catalina Zariquiey.

Julia Duarte-RJ (Crédito: @mancorasurfphoto)
Julia Duarte-RJ (Crédito: @mancorasurfphoto)

O Máncora Junior – Água San Carlos – Pro Peru 2019 Copa Gatorade é apresentado por Barinsta Máncora, Insta Bar Huanchaco, Insta Urban Trujillo, com apoio do Governo Municipal de Máncora e realização da World Surf League Latin America e PromPerú. O evento será realizado pela primeira vez no balneário de Máncora, no norte do Peru, com organização do Club Deportivo Olas Norte e patrocínios do Hotel Don Giovanni, Hotel Wawa, Hotel Punta Ballena, Hotel Mama Sirena, Hotel La Casa de Sebas, Hotel Sol y Mar, Hotel Sumarfe, Casa Los Dolphins, Transporte El Dora, Transporte Chincasuyo, Pizzeria Chan Chan, Pizzeria Nikitas, Restaurant Kiba, Restaurant La Mosca Em La Sopa, El Tao, El Ají, Club Deportivo On Shore Kite Surf, Kite Club, Pupukea Surfboard e Randy Sound Sistema.

O Máncora Junior – Água San Carlos – Pro Peru 2019 Copa Gatorade está sendo transmitido ao vivo pelo Facebook – https://www.facebook.com/mancorajuniorproperu2019/ – e todos os resultados podem ser acessados na página do evento no www.worldsurfleague.com

BATERIAS QUE VÃO ABRIR A SEXTA-FEIRA NO PERU:

TERCEIRA FASE MASCULINA – 3.o=9.o lugar (300 pts) e 4.o=13.o lugar (280 pts):

1.a: Daniel Adisaka (BRA), Uriel Sposaro (BRA), Ricardo Williams (PER), Alejandro Bernales (PER)

2.a: Eduardo Motta (BRA), Fernando Junior (BRA), Leo Casal (BRA), Sergio Luan (BRA)

3.a: Raul Rios (PER), Mateus Sena (BRA), Kauê Germano (BRA), Leonardo Barcelos (BRA)

4.a: Lucas Vicente (BRA), Cauã Costa (BRA), Thiago Eduardo (BRA), Vicente Diaz Barriga (CHL)

SEGUNDA FASE FEMININA – 1.a e 2.a=Semifinais:

——-3.a=5.o lugar (US$ 200 e 420 pts) e 4.a=7.o lugar (US$ 100 e 395 pts)

1.a: Sol Aguirre (PER), Maju Freitas (BRA), Alessia Moro (PER), Lara Barrios (PER)

2.a: Julia Duarte (BRA), Daniella Rosas (PER), Luana Chuman (PER), Catalina Zariquiey (PER)

RESULTADOS DA QUINTA-FEIRA EM MÁNCORA NO PERU:

PRIMEIRA FASE FEMININA – 3.a=9.o lugar (300 pts) e 4.a=13.o lugar (280 pts):

1.a: 1-Sol Aguirre (PER), 2-Alessia Moro (PER), 3-Arena R. Vargas (PER), 4-Urpi Torres (PER)

2.a: 1-Maju Freitas (BRA), 2-Lara Barrios (PER), 3-Coco Cianciarulo (ARG), 4-Esperanza Rojas (CHL)

3.a: 1-Julia Duarte (BRA), 2-Luana Chuman (PER), 3-Isabela Saldanha (BRA), 4-Fabiana Cancino (PER)

4.a: 1-Daniella Rosas (PER), 2-Catalina Zariquiey (PER), 3-Sol Luzarreta (PER), 4-Camila Sanday (PER)

SEGUNDA FASE – entrada dos 16 cabeças de chave do evento:

——-3.o=17.o lugar com 200 pontos e 4.o=25.o lugar com 185 pts

1.a: 1-Uriel Sposaro (BRA), 2-Eduardo Motta (BRA), 3-Luan Hanada (BRA), 4-Derek Petch Crousillat (PER)

2.a: 1-Ricardo Williams (PER), 2-Fernando Junior (BRA), 3-Gabriel Ljubicic (PER), 4-Mauricio M. Flores (PER)

3.a: 1-Leo Casal (BRA), 2-Alejandro Bernales (PER), 3-Sean Goldszmidt (PER), 4-Mateo Guzman (PER)

4.a: 1-Sergio Luan (BRA), 2-Daniel Adisaka (BRA), 3-Daniel Templar (BRA), 4-Walter Sanchez (PER)

5.a: 1-Raul Rios (PER), 2-Thiago Eduardo (BRA), 3-Heitor Mueller (BRA), 4-Rodrigo Saldanha (BRA)

6.a: 1-Mateus Sena (BRA), 2-Vicente Diaz Barriga (CHL), 3-Nicolas Villareal (PER), 4-João Cypriano (BRA)

7.a: 1-Cauã Costa (BRA), 2-Leonardo Barcelos (BRA), 3-Pedro Bianchini (BRA), 4-Juan Diego Rios (PER)

8.a: 1-Lucas Vicente (BRA), 2-Kauê Germano (BRA), 3-Romeo Chavez (ECU), 4-Philippe Neves (BRA)

PRIMEIRA FASE – 3.o=33.o lugar (120 pts) e 4.o=41.o lugar (113 pts):

1.a: 1-Uriel Sposaro (BRA), 2-Gabriel Ljubicic (PER), 3-Manuel Robles (PER), 4-Vasco Ruiz de Luque (PER)

2.a: 1-Mauricio M. Flores (PER), 2-Derek P. Crousillat (PER), 3-Carlos Zevallos (PER), 4-Maximiliano Saenz (CHL)

3.a: 1-Alejandro Bernales (PER), 2-Walter Sanchez (PER), 3-Victor Cortes (CHL), 4-Mateo Christodulu (PER)

4.a: 1-Sergio Luan (BRA), 2-Sean Goldszmidt (PER), 3-Sergio Alcantara (PER), 4-Adrian De Osma (PER)

5.a: 1-Heitor Mueller (BRA), 2-Nicolas Villareal (PER), 3-Noah de Col (PER), 4-Sebastian Oliver (PER)

6.a: 1-João Cypriano (BRA), 2-Thiago Eduardo (BRA), 3-Martin Ottado (URU), 4-Sebastian Rojas (CHL)

7.a: 1-Pedro Bianchini (BRA), 2-Romeo Chavez (ECU), 3-Bastian Pierce (PER), 4-Alex Mendez (PER)

8.a: 1-Philippe Neves (BRA), 2-Cauã Costa (BRA), 3-Mariano Maugere (PER), 4-Firpo Bolanos (PER)


Créditos Fotográfico: Rafael Rioja, @mancorasurfphoto.

Divulgação por: João Carvalho WSL South America Media Manager

www.worldsurfleague.com

 

(Visited 28 times, 1 visits today)

Adriel

Gerente Surfbrazukas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.