Seis brasileiros passam para as oitavas de final do Corona Open J-Bay na África do Sul

Seis brasileiros passam para as oitavas de final do Corona Open J-Bay na África do Sul

Filipe Toledo segue na busca pelo tricampeonato consecutivo em Jeffreys Bay e Gabriel Medina, Italo Ferreira, Willian Cardoso, Deivid Silva e Peterson Crisanto seguem na briga

Filipe Toledo (SP) (Pierre Tostee / WSL via Getty Images)
Filipe Toledo (SP) (Pierre Tostee / WSL via Getty Images)

Depois de dois dias parado, as ondas voltaram a bombar no sábado para a continuação do Corona Open J-Bay em séries de 4-6 pés em Jeffreys Bay, na África do Sul. Dos dez brasileiros que disputaram a terceira fase, seis passaram para as oitavas de final do domingo. Filipe Toledo segue na busca pelo tricampeonato consecutivo na etapa sul-africana do World Surf League Championship Tour. Além dele, também seguem na disputa do título, o bicampeão mundial Gabriel Medina, o potiguar Italo Ferreira, outro paulista, Deivid Silva, o catarinense Willian Cardoso e o catarinense Peterson Crisanto. Já Tatiana Weston-Webb e Silvana Lima perderam no sábado e o Brasil saiu da briga pelo título feminino na África do Sul.

Gabriel Medina (SP) (Ed Sloane / WSL via Getty Images)
Gabriel Medina (SP) (Ed Sloane / WSL via Getty Images)

A primeira classificação brasileira foi conquistada por Gabriel Medina no terceiro duelo do dia. Ele achou boas ondas para totalizar 15,00 pontos contra 10,00 do norte-americano Griffin Colapinto. Seu adversário na disputa pela segunda vaga nas quartas de final do Corona Open J-Bay no domingo será o australiano Ryan Callinan, que despachou o catarinense Yago Dora na quarta bateria por 13,10 a 11,33 pontos. A segunda eliminação brasileira aconteceu na sequência, com Adriano de Souza sendo barrado pelo vice-líder do ranking, Kolohe Andino.

Logo o paulista Deivid Silva acabou com a série de derrotas, ao bater o francês Jeremy Flores por 13,43 a 11,70. Deivid agora vai enfrentar o norte-americano Kolohe Andino, que se passar essa bateria já assume a liderança do ranking e tira a lycra amarela do Jeep Leaderboard de John John Florence. O havaiano contundiu o joelho durante o Oi Rio Pro em Saquarema e está praticamente fora do restante da temporada.

Quem também segue firme na disputa pela ponta na corrida do título mundial de 2019 é Filipe Toledo, que vai tentar repetir o feito do ano passado, vencer o Oi Rio Pro que já conseguiu e o Corona Open J-Bay de novo. Ele não deu qualquer chance ao sul-africano Michael February, derrotando o convidado desta etapa por 14,77 a 10,40 pontos.

Michael Rodrigues (CE) (Pierre Tostee / WSL via Getty Images)
Michael Rodrigues (CE) (Pierre Tostee / WSL via Getty Images)

DUELO BRASILEIRO – Agora, Filipe terá um duelo verde-amarelo nas oitavas de final com o catarinense Willian Cardoso, que no sábado já venceu uma bateria 100% brasileira com o cearense Michael Rodrigues. Depois deste confronto nacional, mais três brasileiros disputaram as últimas vagas para as oitavas de final e dois conseguiram derrotar seus adversários.

O paranaense Peterson Crisanto superou o também estreante na elite deste ano, Seth Moniz, do Havaí. Seu próximo adversário é o japonês Kanoa Igarashi, que fez a melhor apresentação do dia nas direitas de Jeffreys Bay contra o português Frederico Morais. Já o paulista Caio Ibelli perdeu o confronto seguinte para o onze vezes campeão mundial Kelly Slater, mas o potiguar Italo Ferreira conquistou a última vaga para as oitavas de final contra o australiano Jack Freestone. Italo e Slater irão disputar a última classificatória para as quartas de final.

BRASIL FORA NO FEMININO – Depois da terceira fase masculina, foram realizadas seis das oito baterias das oitavas de final femininas e as duas representantes do Brasil foram eliminadas. A cearense Silvana Lima perdeu o duelo das duas surfistas mais experientes da elite para a heptacampeã mundial Stephanie Gilmore e a gaúcha Tatiana Weston-Webb foi barrada pela francesa Johanne Defay na quarta bateria.

O Corona J-Bay Open está sendo transmitido ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo Facebook Live e pelo aplicativo da World Surf League. A primeira chamada do domingo será as 7h30 na África do Sul, 2h30 da madrugada no Brasil.



Divulgação por: João Carvalho WSL South America Media Manager

www.worldsurfleague.com


RADIO SURFBRAZUKAS no spotify segue aeeeee…. aloha

(Visited 8 times, 1 visits today)
E ai gostou? Então nos ajude divulgando nosso trabalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.